Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Summer Diary

you did not wake up today to be mediocre

Summer Diary

you did not wake up today to be mediocre

Mau Caminho

 

Era uma vez uma rapariga que costumava apaixonar-se pelos piores rapazes.

 

Bad boys, como os amigos os chamavam. Daqueles que, ao passar por nós, não só respiram confiança, como também cheiram a mau caminho. Daqueles que ao olhar-mos, vimos no mundo, o ego deles. Daqueles que acabamos por nos apagar, pensando que conseguimos tocar-lhes no coração. Daqueles que nós achamos que conseguimos mudar.

Eles, bad boys. Tu, ingénua e inocente.

Quem nunca?

Achamos-lhes piada. Mexem contigo mais do que qualquer outro rapaz. O cigarro entre os dentes, a independência, a arrogância, o egoísmo... Todo um cenário digno de bad boy. Claro que o caminho era tentador, mais uma vez. E eles sabem. Sabem que mexem contigo.

Eles tratam-te bem e gabam-se aos amigos de te terem "pegado", por muito nojento que soe. Esforçam-se para te agradar, mesmo sabendo que já agradam o suficiente. Estás tão encantada que não percebes que és uma marioneta nas suas mãos. És mais uma. Não és diferentes das outras, não para eles.

Porém, tinha algo de sedutor nela, que também os atraía e, por vezes, consumia. Talvez a cara de boneca. Ela não tinha medo, sabia para o que ia. Não ia mudá-los nem tão pouco mudar-se a si própria. Gostava do perigo, da adrenalina. Sabia que são pedaços de mau caminho que representam o seu futuro amoroso, mas também o deles.

Talvez, uma dia, o mau caminho já não lhe cheire bem. 

Ate lá, prendeu a aceitar más escolhas e aprendeu-o sozinha. Tal como tu também vais aprender, sem vergonha.

 

Era uma vez, uma rapariga, que se conformou, ao facto de, por vezes, caminhar sozinha é o melhor caminho a seguir.

 

 

Como o tempo passa! Bem-vindo, Dezembro 🔥

 

 

um beijinho,

Anna Williams.

5 comentários

Comentar post